31 de mar de 2008


Grace Jones canta, berra, murmura, sussurra...acendo meu cigarro...







O ser humano perdeu a capacidade de ser?

Realmente nos contaminamos tanto com a obrigatoriedade de sermos o que a sociedade nos diz?

É tão latetente a frieza, a indiferença, o egocentrismo, a solidão...que isso é o que se busca e se admira num outro...classificando como "Personalidade", "Uma pessoa forte"...tenebroso!!!


Eu amo, eu choro, eu sinto, eu quero abraços, eu quero pessoas, amigos, familia...

Eu escuto, falo, penso, sinto...

Me emociono com uma história bonita.

Fico mal com uma tragédia.

Tenho medo de perigos.

Acredito no amor , na paz, na bondade e nas crianças... Sim...eu sou ainda um ser humano!!!
Fraco, covarde, limitado, aprendendo e carente

Sim...eu sonho e preciso...
La Vie En Rose...

Grace se cala....ultima tragada...me sinto mais ser e humano...

6 comentários:

Táta disse...

também me sinto humana.
isso que sinto esses dias não é coisa de barata.
não quero mais ser tão humana.
queria ter uma pontinha do coração de gelo.
queria poder escolher que tipo de sentimento ter em relação a cada pessoa.
na verdade, tudo o que queria realmente, é que o que sinto fosse correspondido.
porque no final das contas, eu amo ser humana!
beijo no coração do meu anjo!

Anônimo disse...

Você escreve com muita emoção e transparência. Parece bem ser um espelho do que você é e sente. Arriscaria dizer que você não tem vergonha de ser ser humano, como eu e como sua amiga aí de cima.
Muito belo.

R.L. disse...

Adorei!
Eu acho que estou cada vez mais verde! Rs... Acho que realmente sou de Marte! Rs...
;)

Ramon disse...

Você escreve com uma sinceridade tocante.
Mas sua amiga Tatá não entendeu nada do que vocês escreveu.Falou nada com nada.

tata disse...

hum...acho que quem não entendeu foi o Ramon...mas anyway...
primeiro...às traças então?! pode não baby...
segundo...o sentimento...todas as expectativas...tudo sendo mais que correspondido..! extremamente apaixonada, e hoje não só pela vida, mas também por alguém. e dentro da reciprocidade.
escreve mais pra gente...
bejo xuxu!

John Garan disse...

Musica, cigarros e pensamentos ilimitados que se não forem pro papel, irão explodir.
Compartilhamos vícios então; Comuns.


hug